São Francisco de Assis – Portal do Éden

Santas Missões Populares

Nossa Comunidade São Francisco de Assis – Portal do Éden, por ocasião das Santas Missões Populares, pesquisou sua história: fatos relevantes e nomes de pessoas que se destacaram por suas ações em benefício de todos.
Todo o trabalho aqui apresentado foi fruto de dedicação e pesquisa de nossos missionários.
Agradecemos e que Deus continue iluminando seus caminhos para que possam continuar produzindo frutos para o Reino de Deus.

Nossa História

Comunidade Católica do Bairro Portal do Éden

A criação do nosso bairro, que ocorreu no final dos anos 70, teve como objetivo abrigar os trabalhadores, e suas famílias, que atuavam na construção da infraestrutura do empreendimento City Castelo.

Com o término das obras do empreendimento no ano de 1979, algumas casas foram liberadas e ou abandonadas ocasionando, então, a migração de novas famílias aos imóveis desocupados.

sfpe foto 1
Início do Bairro Portal do Éden.

Posteriormente, os lotes remanescentes foram colocados a venda formando o novo bairro: o Portal do Éden.

Uma das primeiras moradores do bairro, a Sra. Meire Sachi, relatou que antes mesmo de 1979, as primeiras famílias católicas residentes no Portal do Éden se reuniam, alternando-se nas poucas casas do bairro para rezarem o Terço Mariano.

sfpe foto 50
Sr. Ursulino, um dos primeiros Missionários do Portal do Éden

O Sr. Ursulino Costa dos Santos e sua família se mudaram para o Portal do Éden em 1988. O Sr. Ursulino foi um dos primeiros leigos missionário do bairro e, conforme seu relato, foi constatado que não havia uma Comunidade Católica formalmente constituída no local. Assim, ele procurou o responsável pela região, o Pároco Luiz Antônio de Aguiar, da Paróquia São Judas Tadeu. Com a autorização do Padre Luiz, foi formada a nova Comunidade no bairro, que tinha como Padroeiro São Francisco de Assis.

A primeira Missa da recém criada Comunidade São Francisco, presidida pelo Padre Luiz, foi celebrada na casa da Sra. Alice em 15 de março 1988, às 9 horas da manhã, na rua 3, no 132.

O ministro da Eucaristia e da Palavra da Comunidade São Judas que atuava na região, o José Hermínio Membrive Ávila, relatou que ele juntamente com o Diácono Júlio Cesar Eymael passaram a atuar na nova comunidade. Primeiramente, as celebrações aconteciam no armazém do Sr. João. Posteriormente, para o envolvimento de toda a comunidade, as celebrações passaram para as casas do bairro, de forma alternada, através de prévio convite de porta em porta, aos domingos às 18 horas.

sfpe foto 56
Ministro da Palavra Sr. José Membrive

Com o passar do tempo, houve um aumento dos fiéis católicos e o espaço para as celebrações ficou pequeno. Então, a comunidade decidiu celebrar as missas em um “rancho” cedido pelo dono do armazém.

No dia 12 de julho de 1988, na rua 8, no 40, às 18 horas, o Padre Luiz Antônio celebrou a Missa que oficializou a existência da Comunidade São Francisco de Assis. A imagem do Padroeiro, trazida de Aparecida do Norte, foi doada à comunidade pelo Sr. Francisco Fernandes Queiroz. Além do pároco, estavam presentes na cerimônia o seminarista Genival Antônio Pessotto, hoje sacerdote, a Sra. Áurea e Sra. Benedita Amaral, que acompanhavam o Padre Luiz Antônio.

sfpe foto 12
Imagem do Padroeiro São Francisco de Assis, doada em 1988.

 

sfpe foto 81
Procissão nas ruas do bairro, com Padroeiro São Francisco de Assis

O primeiro fruto colhido pela Comunidade foi a formação de duas turmas de catequese. As catequeses eram realizadas nas casas das famílias acolhedoras, pelos catequistas: Sr. Sidney, Sras. Vera e Rita Tibério . Os primeiros catequizandos foram: Carla, Cleiton, Clovis e Carolina, filhos de nossa paroquiana a Sra. Elizabete de Almeida Silva, entre outros.

sfpe foto 52
Catequese de Primeira Eucaristia

A Missa de Primeira Comunhão para os jovens da Comunidade foi celebrada no dia 02 de dezembro de 1990.

Aos catequistas Sr. Sidney, Sra. Vera e Sta. Rita Tibério, que pertenciam a Paróquia São Judas Tadeu, os nossos sinceros agradecimentos.

sfpe foto 52a
Primeiros Catequistas e Catequizandos da Comunidade São Francisco

Em seguida foram formados os primeiros catequistas da nossa Comunidade: Sr. José Ivanildo e Sra. Irene Antunes Costa, que participaram na formação dos catequizandos que vieram a seguir.

A Sra. Irene Antunes Costa, filha do Sr. Ursulino, relata que seu pai, o Sr. Membrive, o Sr. José Ivanildo e a Sra. Cleusa foram os incentivadores e responsáveis pela criação do CONJUFRAN (Grupo de Jovens da Comunidade São Francisco de Assis do Portal do Éden) por volta dos anos 90, cuja primeira coordenadora foi a própria Sra. Irene. Antes de coordenar o CONJUFRAN, a Sra. Irene teve a experiência vocacional religiosa por quatro anos no Convento Carlista das Irmãs Calabrinianas Missionárias de São Carlos Borromeu, na cidade de Campo Grande (MT) por dois anos e em Guaporé (RS) por mais dois anos. Hoje a Sra. Irene é Catequista da Pré-Catequese na Comunidade Santa Isabel e Ministra da Eucaristia na Igreja Nossa Senhora do Sagrado Coração.

A Sra. Irene tem nossa gratidão pelo trabalho pioneiro realizado em nossa Comunidade e por sua dedicação a nossa Paróquia até os dias de hoje.

A partir de Agosto de 1991, por orientação do Padre Átila (então Vigário da Paróquia São Judas Tadeu), a comunidade passou a ter as celebrações em local fixo, na casa do Sr. Ursulino, Rua Três , no 43.

Em 1993, a comunidade planejava adquirir um terreno, para a construção da igreja. Assim, juntamente com a Comunidade São Francisco, o Sr. Membrive e o Diácono Júlio Cesar Eymael se reuniram e organizaram festas populares, abertas ao público, para arrecadar fundos para a aquisição do local da futura Igreja no Portal do Éden. Neste mesmo ano, o Diácono Júlio Cesar Eymael providenciou todo o processo burocrático e documental para a aquisição do terreno de nossa Igreja atual.

Ainda em 1993, o Sr. Ursulino atuava no Grupo de Oração e do Terço na Comunidade Santa Isabel, mas como morava no Portal do Éden, ele, o Sr. Membrive e o Diácono Júlio Cesar Eymael decidiram, de comum acordo, alterar os locais de atuação: o Sr. Ursulino ficou na Comunidade São Francisco e o Sr. Membrive ficou nas Comunidades Santa Isabel, Sagrado Coração de Jesus, Nossa Senhora Aparecida entre outras.

Já sendo Comunidade da Paróquia Sagrada Família, o Pároco Padre Eduardo Tocachello, convidou o Bispo Diocesano Dom Amaury Castanho para o lançamento da Pedra Fundamental, no dia 1º de Outubro de 1995, às 10 horas. Nessa cerimônia estavam presentes o Sr. Valfrides (que estava para ser ordenado Diácono), o Diácono Júlio Cesar, o Padre Eduardo Tocachello e Dom Amaury, que presidiu a Santa Missa.

 

sfpe foto 25
Celebração da com Pe. Eduardo Tocachello, Diácono Júlio Cesar Eymael, Futuro Diácono Valdeci, e leigos da comunidade São Francisco.

 

sfpe foto 80
Primeiros Ministros Extraordinários da Comunhão da Paróquia Sagrada Família

Conforme relatos da Sra. Irenilda Pereira Pontes, neste período iniciou-se a escola de evangelização, que através das Irmãs Missionários do Converto do Patrocínio (história relatada pela Paróquia Sagrada Família), possibilitou identificar muitas famílias católicas no bairro. Segundo a Sra. Irenilda, este foi um tempo muito marcante para a nossa história.

 Em fevereiro de 1997, foi feita a escavação do terreno para o início das obras de construção da igreja. A igreja foi construída em duas fases. Na primeira fase, foi finalizado a parte inferior do prédio, o salão, onde ocorreram as primeiras celebrações da comunidade, até a finalização parcial da parte que está no nível da rua.

sfpe foto 3
Comunidade empenhada na construção da nova igreja.

Os trabalhos de construção foram partilhados com os moradores do bairro, que participavam da comunidade São Francisco de Assis. 

sfpe foto 15
As primeiras celebração da Missa, com a Igreja em construção.

O Sr. Ursulino coordenou e atuou diretamente na construção de nossa Igreja desde seu início até o ano de 2004, na segunda fase da construção.

Expressamos nossa gratidão as pessoas que se dedicaram na formação da Comunidade, bem como na aquisição dos terrenos e construção de nossa Igreja. Que Deus abençoes estes Missionários e suas famílias.

No dia 05 de setembro de 1998, foi celebrada pelo Padre Eduardo, pela primeira vez em nossa nova “Casa”, a Primeira Comunhão.

A construção do prédio Igreja constitui a segunda fase da construção. Esta obra teve início em 2002 e foi concluída em 2006, quando foram feitos: reboco das paredes, instalação do forro e construção da parede de pedra do presbitério, sob a coordenação do então Pároco José Roberto de Oliveira.

sfpe foto 61
Igreja São Francisco de Assis, ao término da segunda fase de construção.

No ano de 2010 iniciou-se as obras das salas de catequese, sob a administração do Padre Juverci Pontes de Siqueira.

sfpe foto 82
Missa na Igreja São Francisco de Assis, celebrada pelo Pe. Juverci

As obras de melhorias continuaram a ser realizadas.

No ano de 2011, através eventos organizados pela Comunidade, as cadeiras plásticas foram substituídas pelos atuais bancos de madeira. Em seguida, ocorreu a celebração das Bodas de Prata Matrimonial dos Ministros da Eucaristia Zélia e Ismael, simbolizando a inauguração desta nova etapa.

sfpe foto 80
Reforma atual da Igreja São Francisco Portal. Será instalado sino na Torre

Atualmente, sob a administração do Pároco Padre Venilton Calheiros, a igreja encontra-se em uma nova etapa de reformas. Até maio de 2016, foi feita a nova Capela do Santíssimo, a nova Sacristia, a modificação do presbitério da Celebração Eucarística, construção da Torre do Sino, entre outras melhorias.

sfpe foto 64
Capela do Santíssimo reformada em 2015
sfpe foto 01
Sacristia, reformada em 2015

Em nossa Comunidade temos muitas atividades: Pré-Catequese e Catequeses do Batismo, Primeira Eucaristia e Crisma, Dizimo, Acolhida, Vicentinos, Grupo de Jovens Josec, Grupo de Oração, Terço dos Homens, Apostolado da Oração e Grupos de Rua.

sfpe foto 63
Altar da Consagração, reformado em 2016
sfpe foto 02
Bancos adquiridos em 2011 e salão interno  e Altar reformados em 2015.

História do Bairro Portal do Éden

Rua Célio de Figueiredo Silva é o nome atual da Antiga Rua 2, onde se localiza a comunidade São Francisco de Assis . Sr. Célio de Figueiredo Silva foi professor na escola Regente Feijó por muitos anos e foi um dos fundadores do Rotary Club de Itu.

Criação do Bairro

A criação do Portal do Éden ocorreu no final dos anos 70. Como mencionado anteriormente, o bairro foi inicialmente criado para alojar os trabalhadores da implantação do condomínio City Castelo. Com o término das obras, algumas casas foram desocupadas e, assim, iniciou-se a formação do novo bairro.
Uma história de invasões, regularizações, reinvindicações, vitórias, crescimento e conquistas.

Relato da Sra. Meire Sachi

“Mudei-me para o bairro antes das invasões, no ano de 1979, onde já existiam mais três famílias morando. Algumas casas estavam abandonadas, eu e minhas amigas da época, brincávamos nas ruas desocupadas e com muito mato. A entrada e saída do Bairro Portal do Éden era controlado por uma cancela toda fechada, ao lado do Condomínio City Castelo e a Fazendo do Sr. Matarazzo. Morávamos de aluguel em uma casa dentro da Fazendo Matarazzo, que hoje é o atual Condomínio Village Castelo.

Durante as invasões do bairro, para garantir a sua casa, era necessário a permanência de uma pessoa dentro do imóvel, para evitar que esta fossem invadida por uma nova família.

O então bairro possuía casas até a Rua 4, o restante eram terrenos desocupados e tomados pelo mato. Com o passar do tempo, foram limpos e loteados para as novas construções e moradias.

Como naquela época não existia uma igreja católica no bairro, a comunidade costumava chamar meu pai para rezar o terço nas casas das famílias. A Comunidade foi crescendo na religião católica.

Com as primeiras Celebrações da Palavra, realizadas pelo Sr. José Hermínio Membrive Ávila, eu costumava ajudar nas leituras das celebrações.”

Relato da Sra. Luiza Aparecida Miquelone de Paula Soares da Mota

“Meu marido trabalhava na Jacuzzi, onde foi informado por um amigo, que iriam invadir “casas boas”. Então, viemos com nossas duas filhas pra cá, tentar tomar posse de uma casa.

Nos informaram que se avistássemos um imóvel com um pano na janela, não poderíamos entrar, pois era o sinal de que aquela casa estava ocupada.

Quando passávamos em frente a uma casa que estava vazia, um homem já estava guardando esta para um amigo. Conversamos com ele que foi convencido a ceder o imóvel.

Algumas das famílias que participaram da invasão inicial permanecem em nosso bairro até os dias de hoje.

Antes da ocupação e construção das demais casas, a área era tomada por mato e árvores, a linha de ônibus passava somente na pista Waldomiro Corrêa de Camargo.

Após as invasões, mandaram um oficial de justiça para despejar todos os invasores e ainda disseram que iriam levar nossos filhos. Foi um período muito tenso.

Os moradores se uniram e com as panelas nas mãos, entramos num caminhão e fomos à prefeitura de Itu.

O Prefeito Dito Roque e outros vereadores nos ajudaram nesta causa. Por fim, começamos a cuidar das casas e todos puderam regularizar seus imóveis através da compra das casas, através de financiamento bancário.

Quando resolvemos abrir uma quitanda, haviam mais seis famílias residindo no bairro, uma delas do Sr. Lima.

Já existia água encanada em algumas casas e nas que não tinham, eram feitas ligações “improvisadas”. Não havia energia elétrica e as casas eram iluminadas por velas. Tivemos a informação de que chegou a faltar velas na cidade de Itu, devido ao consumo do bairro naquela época. Criamos um circulo de amizade que dura mais de trinta anos entre estas famílias.”

Relato da Sra. Ana Maria Barbosa Damião

“Eu fui a terceira moradora do bairro antes da invasão. Comprei a minha casa da imobiliária Aspa.

Não existia comércio local para comprar alimentos, éramos obrigados a fazer nossas compras no centro de Itu, bem como consultas e serviços médicos.

Participei um pouco das celebrações na casa do Sr. Ursulino e meu patrão naquela época, o Sr. Francisco Fernandes Queiroz, doou a imagem do padroeiro São Francisco de Assis, trazido da Aparecida do Norte.”

Creche Escola Guia da Luz

“Em 1996 foi o ano de início de uma história de Amor, Carinho e Respeito às Crianças.
Um grupo de Empresários de São Paulo, uniram-se para projetar e construir um sonho. Apesar das dificuldades encontradas ao longo das obras, cada um dos Empresários empenhou-se para a finalização do Projeto.
No ano de 1998 o sonho tornou-se realidade e a Creche Escola Guia da Luz foi inaugurada e aguardou as nossas crianças.”

sfpe foto 14
Creche Guia da Luz – Trabalhos Educativos pela GM de Itu.

Posto de Saúde Dr. Claudio Fruit

“O Posto de Saúde Municipal Dr. Claudio Fruit foi inaugurado no ano 2000, após reinvindicações e abaixo assinado realizados pela população local, que teve participação ativa da Sra. Marli de Jesus Pereira.”

sfpe foto 13
Posto de Saúde Municipal Dr. Claudio Fruit

EMEI Diácono Júlio Cesar Eymael

“A Escola Municipal de Educação Infantil recebeu o nome do Diácono Júlio Cesar Eymael em memória ao homem bom que foi, que lutava pelo bem do povo. Uma pessoa incomparável.”

sfpe foto 57
EMEI Diácono Júlio Cesar Eymael. Em homenagem ao Diácono que tanto fez pelas nossas Comunidades.

Escola Mércia Maria Cazarini

“Aqui em nosso bairro Portal do Éden, está situada a nossa Escola Mércia Maria Cazarini, na rua Geceny Cabreira no 73, administrada pela diretora Marta Maria Santos, juntamente com a vice diretora Vivia Regina Teixeira da Silva.

A Escola Mércia Maria Cazarini, foi inaugurada no dia 28/12/2013, com oito salas de aula no período da manhã e tarde, totalizando dezesseis turnos para o ensino fundamental e médio.

A escola também possui sala de informática, biblioteca. Faz ainda trabalhos sociais como escola da família, parceria com cabeleireiros para cortes gratuitos, parceria com formação para guarda mirim da cidade de Sorocaba, parceria com projetos pro jovem CIEE (Centro de Integração Empresa Escola) e está a disposição para novos projetos.
Atendem as solicitações de muitos jovens de nosso bairro, como também a retiros e festas da Comunidade São Francisco para as nossas crianças e adultos.”

sfpe foto 60
Escola Estadual Mércia Maria Cazarini

SABAPE

“O Grupo SABAPE (Sociedade Amigos do Bairro Portal do Éden) foi criado em 19/05/2013, tem como objetivo a luta por melhorias do bairro, sempre visando buscar o melhor pela nossa população.
Nosso atual presidente o Sr. Edson Tibério nos disse que existem projetos que estão em andamento, bem como conquistas consolidadas como lombadas, mais segurança, lazer, expansão dos serviços do posto de saúde, trabalhos sociais, diversos cursos para a formação de novos profissionais, aproveitamento da área verde para caminhada e equipamentos de academia.

Tudo isso é possível contando com a ajuda do poder público, visando sempre benefícios em favor do bairro.”

sfpe foto 9

Sra. Marli de Jesus Pereira

A Sra. Marli de Jesus Pereira tem a profissão de Agente Comunitária de Saúde e é moradora do bairro desde de 1984. Há 28 anos dedica-se a área da saúde no bairro e em toda a região.

A Sra. Marli observou a necessidade de um posto de saúde no bairro. Depois de um longo processo reivindicações e de abaixo-assinados da população, as autoridades Municipais de Saúde realizaram a instalação do Posto no bairro.

sfpe foto 62
Sra. Marli de Jesus Pereira – Agente Comunitária de Saúde

Galeria de Álbuns

« 1 de 4 »

Reformas atuais

« 1 de 4 »

Início da Construção

« 1 de 5 »

Celebrações no Colégio Caic

« 1 de 4 »

Primeira Via Sagra Encenada no bairro em 2016

« 1 de 5 »

Pessoas que estiveram e ainda estão presentes em nossa Comunidade